Estudo da NASA descobre que tempestades solares poderiam espalhar solos nos pólos da Lua

Estudo da NASA descobre que tempestades solares poderiam espalhar solos nos pólos da Lua
Poderosas tempestades solares podem carregar o solo em regiões frígidas, permanentemente sombreadas perto dos pólos lunares, e possivelmente podem produzir “faíscas” que poderiam vaporizar e derreter o solo, talvez tanto como impactos de meteoróides, de acordo com a pesquisa financiada pela NASA. Esta alteração pode tornar-se evidente ao analisar amostras futuras destas regiões que poderiam conter a chave para a compreensão da história da lua e do sistema solar.

Ao observar a Lua ao longo de um mês, você notará que diferentes características são iluminadas pelo Sol em momentos diferentes. Entretanto, há algumas partes da lua que nunca vêem a luz solar. Essas áreas são chamadas regiões permanentemente sombreadas, e aparecem escuras, porque ao contrário da Terra, o eixo da Lua é quase perpendicular à direção da luz do sol. O resultado é que os fundos de certas crateras nunca são apontados para o Sol, com alguns permanecendo escuro por mais de dois bilhões de anos. No entanto, graças a novos dados da NASA Lunar Reconnaissance Orbiter, podemos agora ver nessas crateras escuras em detalhes incríveis.
Créditos: NASA Goddard / LRO mission

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s