Mundo | Rússia concede liberdade provisória a brasileira presa por protesto do Greenpeace

Mundo | Rússia concede liberdade provisória a brasileira presa por protesto do Greenpeace.

 

A brasileira foi a quarta pessoa a ter o pedido de fiança aceito entre os 30 presos na Rússia, e a primeira de outra nacionalidade que não a russa, acrescentou o Greenpeace em sua página na Internet.

 

“Anunciadas as decisões, a Justiça russa ainda não divulgou, porém, quais serão as restrições para quem estiver em liberdade provisória. Ainda não se sabe, portanto, se Ana Paula poderá deixar o país”, disse o Greenpeace em nota.

 

A Justiça russa concedeu na segunda-feira liberdade sob fiança a três russos que foram detidos pelo protesto do Greenpeace em 18 de setembro.

 

Os 30 foram presos depois que a guarda-costeira abordou o navio quebra-gelo do Greenpeace Arctic Sunrise durante manifestação numa plataforma de petróleo da empresa estatal Gazprom no Mar de Pechora.

 

Eles foram acusados de vandalismo e podem ser condenados a até sete anos de prisão pelo protesto, no qual alguns ativistas tentaram escalar a plataforma Prirazlomnaya. O Greenpeace diz que a manifestação foi pacífica e considera as acusações infundadas.

 

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro; Edição de Alexandre Caverni)

 

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s