Tribunal Penal Internacional absolve comandante congolês

O veredicto, apenas o segundo na história de 10 anos da corte de crimes de guerra –a primeira absolvição–, é um revés para os procuradores do TPI, os quais os juízes afirmaram não terem conseguido vincular Ngudjolo às atrocidades que ocorreram no nordeste do Congo, em 2003.Imagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s