Brasil, contradição e inundação. "Do quanto pior melhor"

Brasil, contradição e inundação. “Do quanto pior melhor”

Cidade de Conceição do Almeida 26 de janeiro.(Rede Almeidense) – Brasil, é, este o país que todos querer levar vantagem em tudo.”Que país é este? O pais da “Presidenta”

O País da contradição. País do carnaval,do pagode,da pouca vergonha,do não to nem ai,da gíria,do analfabeto funcional, do desrespeito,

da incoerência, e do preconceito,o país, que nasci é este país que vai ter Copa do Mundo,Olimpíadas o País da piada.

O que vale neste pais é a apenas o dinheiro?. Uma professora me dizia quem “quem nasceu pobre continuaria pobre” que nasceu rico continuaria rico.

Quem é preto, é preto, e branco é branco.

Como solucionar certa picuinhas conhecidas neste país,a presidente na posse disse “Eu foi eleita a Presidenta” para governar o pais.

O Eis presidente da republica – Lula tentou negociar o que não era da sua ossada.

Imaginemos que o presidente do Brasil fosse ir ao Irã negociar urânio, imagine uma situação como essa.

Que pai é esse?

É sem sobra de duvidas o pais da contradição,posso afirmar com toda sinceridade.

Há, e falta de hospitais,a falta de saneamento,enchentes por falta de prevenção,a falta respeito,falta segurança, falta comando. Falta tudo.Principalmente políticas desenvolvimento sustentável, falta incentivo a tecnologia.

Para que conhece esse pais como eu que já tive oportunidade viajar pelo quatro quanto deste imensidão de terra, posso fazer essa análise.

É preciso que a nova presidente possa pensa como uma presidente moderna, e com vontade de administra esse país chamado Brasil, é possa trazer mais qualidade de vida aos Brasileiros.

Que uma suja na cabeça dessa presidente uma nova idéia de desenvolvimento social.Que possa intelectualizar melhor, nem só de pão vive o homem nem só de pagode viverei.

Noticias em tempo real 24h.

TAM estima alta de até 18% na demanda doméstica em 2011

TAM estima alta de até 18% na demanda doméstica em 2011

Noticias em tempo real 24h.

Papa faz alerta sobre risco de alienação das redes sociais

CIDADE DO VATICANO (Reuters) – O Papa Bento 16 expressou aprovação condicional às redes sociais na segunda-feira, elogiando seu potencial mas alertando que amizades online não servem como substituto para contato humano real.

O pontífice de 83 anos, que não tem conta no Facebook, expressou suas opiniões em uma mensagem com um título sério, que poderia funcionar como um tweet: “Verdade, proclamação e autenticidade da vida na era digital.”

Ele afirmou que as possibilidades das novas mídias e redes sociais oferecem “uma grande oportunidade”, mas alertou sobre os riscos de despersonalização, alienação, falta de autocrítica e sobre o perigo de ter mais amigos virtuais que reais.

“É importante lembrar sempre que o contato virtual não pode e não deve substituir o contato humano real com as pessoas, em todos os níveis de nossas vidas”, disse o Papa em mensagem no Dia Mundial da Comunicação da Igreja Católica.

Ele pediu aos usuários de redes sociais para se perguntarem quem são seus vizinhos nesse novo mundo e para que evitem o risco de disponibilidade permanente online acompanhada de “menor presença diante daqueles a quem encontramos em nossa vida cotidiana”.

Os vastos horizontes das novas mídias “exigem urgentemente uma séria reflexão sobre a importância da comunicação na era digital”, disse.

O papa não mencionou qualquer site ou aplicativo social específico, mas ao longo da mensagem usou frequentemente termos como “compartilhar”, “amigos” e “perfis”.

Disse também que as redes sociais podem ajudar “o diálogo, o intercâmbio, a solidariedade e a criação de possíveis relacionamentos”, mas acrescentou diversos alertas.

“Entrar no ciberespaço pode ser sinal de uma busca autêntica de encontros pessoais com os outros, desde que as pessoas fiquem atentas e evitem perigos como o de se encerrarem em uma espécie de existência paralela, ou de o exposição excessiva ao mundo virtual”, disse.

“Na busca de compartilhamento, de ‘amigos’, há o desafio de ser utêntico e fiel, e de não ceder à ilusão de construir um perfil público artificial”, afirmou.Noticias em tempo real 24h.

Papa faz alerta sobre risco de alienação das redes sociais

Papa faz alerta sobre risco de alienação das redes sociais

Noticias em tempo real 24h.