Casamento de Chelsea Clinton anima cidade do interior de NY

Casamento de Chelsea Clinton anima cidade do interior de NY

Adicionar legenda
RHINEBECK EUA (Reuters) – A filha de Bill e Hillary Clinton vai se casar no sábado em Rhinebeck, e o vilarejo pitoresco do interior de Nova York está desfrutando da glória de sediar o que muitos estão chamando de o casamento real da América.

Placas e imagens parabenizando Chelsea, a filha única do ex-presidente e da secretária de Estado dos EUA, e seu noivo, Marc Mezvinsky, enfeitam muitas vitrines, e o casamento é o grande assunto da cidade inteira.
Os planos para o casamento estão cercados de sigilo absoluto, mas a presença de agentes do serviço secreto norte-americano em Rhinebeck, 160 quilômetros ao norte da cidade de Nova York, sugerem que a cerimônia vai acontecer na mansão histórica Astor Courts, que ocupa um terreno de 20 hectares à margem do rio Hudson.
A secretária de Estado Hillary Clinton disse que sua filha a fez jurar segredo, e os planos para o casamento vêm resistindo a vazamentos melhor que muitos segredos de Washington. A mídia local especula que a noiva usará um vestido de Oscar de la Renta.
Especula-se que a lista de convidados teria 400 nomes e incluiria vários pesos pesados de Washington e Hollywood. Consta que o presidente Barack Obama teria sido convidado, mas o porta-voz da Casa Branca Robert Gibbs disse que não tem conhecimento de que o presidente e a primeira-dama Michelle Obama pretendam comparecer.
Para os doadores das campanhas Clinton decepcionados por não terem sido convidados, a família deixou claro que foram convidadas apenas pessoas que têm vínculos pessoais com os noivos. “Amamos vocês todos, mas este é o casamento de Chelsea”, disse Hillary Clinton em entrevista à NBC News.
Claudia Hanlin, da firma nova-iorquina de planejamento de casamentos The Wedding Library, estimou o custo da festa em cerca de 2 milhões de dólares. “Vai ser um casamento de luxo espantoso”, disse ela. “O país está encarando a cerimônia como seu casamento real.”
Chelsea Clinton, 30, e Marc Mezvinsky, 32, se conhecem desde a adolescência. Ele é um banqueiro de investimentos cujos pais, Marjorie Margolies-Mezvinsky e Edward Mezvinsky, foram no passado deputados do Partido Democrata.
Chelsea Clinton, que trabalhou para um fundo hedge de Nova York e estuda política de saúde na Universidade Columbia, vem conservando perfil discreto desde que seu pai deixou a Casa Branca, em janeiro de 2001, mas fez campanha por sua mãe quando Hillary foi pré-candidata presidencial democrata, em 2008.

A professora de cultura pop Elayne Rapping, da Universidade Estadual de Nova York em Buffalo, disse: “As celebridades são nossa família real. Os Clinton são celebridades e, de certo modo, constituem uma família real. As pessoas estão muito curiosas”.

Noticias em tempo real 24h.

Oi acerta aliança com Portugal Telecom

Oi acerta aliança com Portugal Telecom

Noticias em tempo real 24h.

Aprovação a Obama cai com preocupação por desemprego e economia

 

Aprovação a Obama cai com preocupação por desemprego e economia

 

Aprovação a Obama cai com preocupação por desemprego e economia

WASHINGTON (Reuters) – A maioria dos norte-americanos acredita que o presidente dos Estados Unidos deixou em segundo plano a criação de empregos, com a preocupação sobre a economia pondo pressão sobre os democratas antes das eleições de 2 de novembro, mostrou uma pesquisa Reuters/Ipsos nesta terça-feira.

Sessenta e seis por cento dos eleitores consultados disseram que Barack Obama não está focado o bastante na criação de empregos, com a economia sendo o principal problema do país.

Quase metade dos participantes da pesquisa afirmou que estão infelizes com a condução da economia por Obama no momento em que o desemprego alcança 9,5 por cento. A satisfação com o desempenho da economia sob Obama caiu bastante em relação a pesquisas anteriores da Ipsos.

Quarenta e seis por cento dos eleitores registrados afirmaram que votariam nos republicanos nas eleições parlamentares de novembro, ante 44 por cento para os democratas.

O índice de comparecimento às urnas também deve prejudicar os democratas. Setenta e dois por cento dos republicanos disseram que vão votar com certeza em novembro, contra 49 por cento dos democratas.

A taxa de aprovação de Obama na pesquisa ficou em 48 por cento, um pouco abaixo dos 50 por cento vistos em junho.

(Reportagem de Alistair Bell e Steve Holland)

viaAprovação a Obama cai com preocupação por desemprego e economia.

Mano inclui Neymar e Ganso em renovada seleção brasileira

Mano inclui Neymar e Ganso em renovada seleção brasileira

RIO DE JANEIRO (Reuters) – Os jovens do Santos Neymar e Paulo Henrique Ganso foram incluídos nesta segunda-feira na primeira convocação da seleção brasileira realizada pelo técnico Mano Menezes, que manteve apenas quatro jogadores que estiveram na última Copa do Mundo.

Robinho, Daniel Alves, Ramires e Thiago Silva foram os únicos remanescentes da equipe que perdeu para a Holanda nas quartas de final do Mundial da África do Sul na lista de 24 jogadores anunciada pelo treinador para o amistoso do dia 10 de agosto contra os Estados Unidos, em Nova Jersey.
Mano, que anunciou a convocação logo após ser apresentado oficialmente como novo treinador da seleção brasileira, incluiu ainda o meia do São Paulo Hernanes, o atacante do Atlético Mineiro Diego Tardelli, e o atacante André, também do Santos, em uma lista repleta de jogadores que atuam no futebol brasileiro.

O único jogador do Corinthians, seu ex-clube, chamado foi o volante Jucilei.
Veja a lista de convocados:
GOLEIROS
Jefferson (Botafogo), Renan (Avaí) e Victor (Grêmio)

LATERAIS
André Santos (Fenerbahçe), Daniel Alves (Barcelona), Marcelo (Real Madrid) e Rafael (Manchester United)

ZAGUEIROS
David Luis (Benfica), Henrique (Racing Santander), Rever (Atlético Mineiro) e Thiago Silva (Milan)

MEIAS

Carlos Eduardo (Hoffenheim), Ederson (Olympique de Lyon), Paulo Henrique Ganso (Santos), Hernanes (São Paulo), Jucilei (Corinthians), Lucas (Liverpool), Ramires (Benfica), Sandro (Internacional)

ATACANTES

lexandre Pato (Milan), André (Santos), Diego Tardelli (Atlético Mineiro), Neymar (Santos) e Robinho (Santos)

Noticias em tempo real 24h.

Justiça proíbe \\\”homem da fita\\\” de abordar atriz Jennifer Aniston

Justiça proíbe \\”homem da fita\\” de abordar atriz Jennifer Aniston

viaJustiça proíbe \\\”homem da fita\\\” de abordar atriz Jennifer Aniston.

Justiça proíbe "homem da fita" de abordar atriz Jennifer Aniston

Justiça proíbe “homem da fita” de abordar atriz Jennifer Aniston

LOS ANGELES (Reuters) – A atriz norte-americana Jennifer Aniston obteve nesta terça-feira uma decisão judicial que impede que dela se aproxime um homem detido com um objeto pontiagudo, fita isolante e outros itens.

tephen Huvane, agente da estrela de “Friends”, disse à Reuters que o homem foi detido neste mês “em frente a um lugar onde ele achava que ela frequenta, mas era um lugar aonde na verdade ela nunca foi.”

Jason Peyton, de 24 anos, recebeu ordem para não se aproximar a menos de 90 metros da casa, do trabalho e dos veículos da atriz, segundo o site de celebridades TMZ.

De acordo com documentos judiciais obtidos pelo TMZ, Huvane foi detido com uma sacola, um bilhete, um rolo de fita isolante. O carro dele estava marcado com letras grandes formando os dizeres “Eu amo Jennifer Aniston.”

Os documentos descrevem Peyton como “um assediador obcecado, mentalmente doente e delirante, com histórico de violência e assédio criminal – ele cruzou o país de carro na sua delirante ‘missão’ de localizar e se casar (com Aniston), com quem ele acredita que tem uma relação.”

Os mesmos documentos dizem que Peyton acredita ter relacionamentos com várias celebridades, como Oprah, Jay-Z, Donald Trump, Courteney Cox, Nelson Mandela e Jennifer Lopez.

Noticias em tempo real 24h.

Vítima de Polanski se diz satisfeita com decisão da Suíça

Vítima de Polanski se diz satisfeita com decisão da Suíça

A mulher com quem o cineasta Roman Polasnki foi condenado por ter relações sexuais ilegalmente quando ela era menor disse nesta terça-feira estar satisfeita com a decisão da Suíça de não extraditá-los aos Estados Unidos por seu crime em 1977.

Samantha Geimer, hoje mãe de três filhos e com 40 e poucos anos, pediu repetidas vezes que o caso fosse arquivado. A Suíça se negou na segunda-feira a entregá-lo e o diretor foi libertado após meses de prisão domiciliar.

“Estou satisfeita com a decisão e espero que o promotor público encerre o caso e termine de uma vez por todas”, disse Samantha à rádio francesa Europe 1.

Polanski se declarou culpado de ter relações sexuais com Geimer, na época com 13 anos, depois de lhe dar champanhe e drogas.

Ele fugiu antes de receber sua sentença em 1978, dizendo acreditar que o juiz revogaria um acordo sob o qual seus 42 dias de detenção recebendo avaliação psiquiátrica seriam considerados sua pena completa.

A esposa de Polanski, atriz francesa e cantora Emmanuelle Seigner, disse em entrevista à revista Libération que a decisão da Suíça representa um grande alívio.

“É o fim de um terrível pesadelo, principalmente para nossos dois filhos”, disse ela. “Eu não poderia imaginar outro resultado. Hoje, as autoridades suíças perceberam a injustiça desse caso.”

A libertação de Polanski foi amplamente bem recebida na França, onde o diretor reside e é cidadão.

O paradeiro de Polanski, aclamado internacionalmente por filmes como “Chinatown” e “O Pianista”, foi mantido em sigilo na terça-feira. Seu advogado francês se negou a comentar informações de que o diretor estaria retornando à França a partir de seu chalé em Gstaad, na Suíça, onde esteve em prisão domiciliar desde dezembro passado.

Noticias em tempo real 24h.

Ataques matam ao menos 64 em Uganda

Ataques matam ao menos 64 em Uganda

Noticias em tempo real 24h.